26 março 2010

Surto de trânsito lento.

Lembra do instante que passou
Do retornoda alegria pródiga
No vislumbre do mergulho dos pássaros na imensidão azul.
As notas musicais movem os pés  no sentido horário
Um salve para os que não gostam de relógio
Outro para as mulheres  pescoçudas
Para as lagartixas  sem rabo
Para os atendentes dos Sexy Shop.
A alegria se dissolve no buraco negro do coração.

Nenhum comentário: