16 fevereiro 2012

Adeus

Adeus


Pranteio a contemplação de dias passados

E me liberto como de um feitiço

Rogado pela minha carência juvenil de outrora



Mudança de fase

Essa maturidade é doída

O mundo dá voltas

O meu amor de mulher é condicional



Não pareço fiel

Mas sou Adeus.

2 comentários:

Igor Carvalho disse...

Olá amado irmão, venho lhe convidar a leitura deste texto tão importante para nossa sociedade hoje:

http://semeadordeamor.blogspot.com/2012/02/conscientizacao.html

Tenha um lindo dia!

Miss Fabris disse...

Profundo...adorei!!

Parabéns pelas belas palavras escolhidas para compor esse texto...

Fique feliz pois há quem veja sua lindas frases...

Conheça o meu
http://giovannacomg.blogspot.com/